Política, Sociedade, Educação, Búzios, meio ambiente, Região dos Lagos

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://ipbuzios.blogs.sapo.pt

Espaço de discussão dos acontecimentos políticos de Armação dos Búzios



Quarta-feira, 08.06.11

Os fabricantes de miséria - vivendo com 1 salário mínimo (1)

Total de Domicílios Particulares Permanentes com rendimento nominal mensal domiciliar per capita até 1 salário mínimo:

1) Araruama - 20.858 (58,25%) de um total de 35.807 domicílios.
2) São Pedro da Aldeia - 15.448 (55,68%) de um total de 27.743.
3) Cabo Frio - 30.869 (51,93%) de 59.443.
4) Iguaba Grande - 3.918 (51,68%) de 7.580.
5) Arraial do Cabo - 4.604 (51,40%) de 8.956.
6) Armação dos Búzios - 4.227 (46,90%) de 9.012.
7) Rio das Ostras - 14.379 (41,47%) de 34.666.

Fonte: "ibge"  

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 20:04

Quarta-feira, 08.06.11

Os fabricantes de miséria - os miseráveis da Região dos Lagos

O campeão em número de miseráveis da Região dos Lagos, proporcionalmente à população, é Araruama. Tem 18.914 (16,96%) moradores nessa condição: 3.973 sem rendimento; 3.366 com rendimento de 1 a 70 reais; e 11.575, de 71 a 140.
Em segundo lugar, temos Cabo Frio com 26.316 (14,34%) miseráveis: 6.566 sem rendimento algum; 4.090, de 1 a 70 reais; e 15.660, de 71 a 140.
Em terceiro lugar, São Pedro da Aldeia, com 12.416 (14,15%): 2.726, sem rendimento; 2.138, de 1 a 70; e 7.552, de 71 a 140 reais.
Em quarto, Arraial do Cabo, com 3.632 (13,15%): 1.128, sem rendimento; 442, de 1 a 70; e 2.062, de 71 a 140 reais.
Em quinto,  Iguaba Grande, com 2.846 (12,46%): 644, sem rendimento; 385, de 1 a 70; 1.817, de 71 a 140 reais.
Finalmente, Rio das Ostras, com 10.561 (10,01%): 3.396, sem rendimento; 1.276, de 1 a 70; e 5.889, de 71 a 140 reais.

Fonte: "ibge"

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 16:24

Quarta-feira, 08.06.11

Os fabricantes de miséria - introdução

O IBGE divulgou os resultados preliminares do universo do censo demográfico de 2010. Somos 27.538 buzianos, 13.737 homens e 13.801 mulheres. Crescemos 51,27%, em número de habitantes, de 2000 (data do último censo) a 2010. Temos 8.715 (31% da população) buzianos com menos de 19 anos de idade. De 15 a 19 anos somos 2.194 jovens, mas não temos nenhuma política pública pra eles.

Somos 2.624 (9,49%) miseráveis (conceito do próprio IBGE): 218 com rendimento nominal mensal per capita de 1 a 70 reais; 1.492, de 71 a 140; e 914 sem rendimento algum.

Uma outra tabela- de domicílios particulares permanentes, por classes de rendimento nominal mensal domiciliar per capita- confirma esta realidade cruel nada condizente com um município com fama de ser um paraíso. Para quem habita esses domicílios deve ser um verdadeiro inferno viver em Búzios. De um total de 9.102 "Domicílios Particulares Permanentes" (DPP), temos 4.227 (46,90%) com renda per capita igual ou inferior a 1 Salário Mínimo (SM). Duzentos e trinta (230) domicílios têm renda até 1/4 do SM.

Quando levantamos os dados uma sensação muito ruim tomou conta da gente. Revolta, indignação, raiva mesmo. Temos governantes (em toda Região dos Lagos) que são verdadeiros fabricantes de miséria. Ou são incompetentes, ou são corruptos. Ou são as duas coisas juntas. Ou são incompetentes pra governar, ou muito competentes pra roubar. Os dados mostram que só uma minoria se beneficia dos orçamentos milionários de quase todos os município de nossa Região dos Lagos. Em Búzios, desde a emancipação, já tivemos mais de 1 bilhão de reais de receitas orçamentárias. Em geral, não se tem a quem reclamar. Na maioria desses municípios temos câmara de vereadores omissas e/ou coniventes. Justiça lenta ou conivente também. A única solução é sair às ruas pra lutar por seus direitos. Não tem outro jeito. Nossos governantes morrem de medo de povo na rua. Eles sabem que quando essa energia é liberada não se tem mais controle. Eles gostam de resolver tudo lá "por cima", em acordos contra/sem o povo.

Nas próximas postagens apresentaremos resultados preliminares do universo do censo demográfico de 2010 sobre abastecimento de água, fornecimento de energia elétrica, esgotamento sanitário, existência de banheiros nos domicílios, destino do lixo, etc. Na medida do possível farei comparações tanto com o censo de 2000 quanto com os municípios vizinhos de nossa Região (Araruama, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia). Já coletei dados destes municípios, aos quais acrescentei os de Rio das Ostras que, apesar de não pertencer à nossa Região dos Lagos, tem importância pela proximidade.

Fonte: "ibge"

Ver também:


 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-miseraveis.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-vivendo-com-1.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem-agua.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem_7642.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem-rede.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem-coleta.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem_09.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-corticos.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem_10.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-os-sem.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2011/06/os-fabricantes-de-miseria-final.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/04/os-fabricantes-de-miseria-vivendo-com-1.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/04/os-fabricantes-de-miseria-excluidos-da.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/04/os-fabricantes-de-miseria-os-sem.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/04/os-fabricantes-de-miseria-os-sem_30.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/05/os-fabricantes-de-miseria-os-sem-creche.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/05/os-fabricantes-de-miseria-os-sem-escola.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/05/os-fabricantes-de-miseria-os-com-casas.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/05/os-fabricantes-de-miseria-os-que-vivem.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/05/os-fabricantes-de-miseria-os-sem.html
 http://www.ipbuzios.blogspot.com.br/2012/05/os-fabricantes-de-miseria-os.html

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 14:45

Quarta-feira, 08.06.11

Ponto de ônibus VI

Felizmente uma boa notícia. Governo inicia processo licitatório para "contratação de empresa para construção de pontos de ônibus"  com a publicação de edital referente à Tomada de Preços (BO 487, de 03/06/2011). 

Muito boa a iniciativa do governo municipal. Parabéns. 

Uma pequena sugestão. Porque, em casos como estes, não convidar as entidades civis e a população em geral para fazer a apresentação do projeto. Erra-se menos quando se ouve a população, já dizia um secretário municipal quando não era secretário. Hoje ele já não defende mais isso, como mudou em várias outras coisas. Estou me referindo ao secretário-camaleão. Mudou tanto, que ele próprio não deve mais saber nem mesmo quem ele é hoje.

Um concurso com os arquitetos locais seria muito bom para prestigiarmos a prata da casa. Que tal? Mesmo que já esteja tudo pronto, como sempre, fica aqui a sugestão para outras ocasiões. Não é preciso ter medo. As pessoas só querem participar.       

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 12:01


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2011

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930