Política, Sociedade, Educação, Búzios, meio ambiente, Região dos Lagos

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://ipbuzios.blogs.sapo.pt

Espaço de discussão dos acontecimentos políticos de Armação dos Búzios


Terça-feira, 19.11.13

Vereador Lorram convida moradores e entidades da Rasa pra discutir orçamento de 2014


Na qualidade de Presidente da Comissão Mista de Orçamento, composta ainda pelos Vereadores Jefferson e Joice.

Vimos por meio deste, convidar a População e Entidades Civis Organizadas, dos bairros da Rasa e bairros adjacentes, a participar da reunião no dia 21/11/2013 (quinta-feira), às 18 horas, na Escola Manoel Antonio da Costa “Mudinho”, no bairro da Rasa, com o intuito de ouvirmos as demandas da população dessas localidades, e para discutirmos o Orçamento Municipal para o exercício de 2014".

Atenciosamente,

Vereador Lorram da Silveira



Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 18:09

Segunda-feira, 11.11.13

Vamos discutir o Orçamento Municipal de 2014

"PREZADOS SENHORES (as),

Na qualidade de Presidente da Comissão Mista de Orçamento, composta ainda pelos Vereadores Jefferson e Joice.

Vimos por meio deste, convidar a População e Entidades Civis Organizadas, dos bairros de Cem Braças, Tucuns, Capão, José Gonçalves, São José e Baia Formosa, a participar da reunião no dia 13/11/2013 (quarta-feira), às 18 horas, na escola José Pereira Neves, no bairro de Cem Braças, com o intuito de ouvirmos as demandas da População dessas localidades e para discutirmos o Orçamento Municipal para o exercício de 2014. 

Atenciosamente,

Vereador Lorram da Silveira"

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 09:13

Quarta-feira, 18.09.13

Quem tem medo da CPI dos BOs?



Na sessão do dia 12, quinta-feira passada, o vereador Lorram (ver vídeo) declara-se contrário à instalação da CPI com o argumento de que um possível impeachment do Prefeito poderia causar um caos na Cidade impedindo que ela funcionasse a contento. Não se sabe de onde ele tirou isso. Tivemos diversas CPIs nacionais e estaduais, inclusive um impeachment de Presidente da República, e nenhuma catástrofe ocorreu no país. Pelo contrário, o país continuou funcionando normalmente. Ao se posicionar, o vereador revelou também que participou da turma do amém de Mirinho, quando afirma que na legislatura passada votou sempre contra os pedidos de requerimento da oposição. E que na legislatura atual,  por estar teoricamente na oposição, não vai votar sempre a favor dos requerimentos. Agora, prossegue o vereador, mudou de posição (porque vereador?): vai votar sempre com a sua consciência. E deveria ser de outra forma, vereador? 

Na sessão de ontem (17) foi a vez do vereador Messias posicionar-se em relação à CPI e suas possíveis consequências políticas. Usou uma figura forte- quebrar as pernas do Prefeito- para justificar sua posição contrária ao impeachment. Relembra que adotou a mesma posição em relação aos prefeitos anteriores. "Não quebrou as pernas" de Toninho mesmo tendo conhecimento de que ele teria começado uma obra sem o devido empenho. "Não quebrou as pernas" de Mirinho porque também era da sua turma do amém- aquela que votava contra todos os requerimentos e que se ausentava do plenário para não julgar de novo as contas de 2004. Enrolou-se todo quando falou das derrubada do veto da Lei do Uso do Solo (LUOS) conhecida como "Lei dos Pombais". Chega a dizer que derrubou o veto de Mirinho mas que este na verdade não queria vetar as alterações feitas pela Câmara que acabava com os "Pombais" em Búzios. Não diz, mas deixa claro, que ele fora obrigado a vetar. Com a afirmação, o vereador revela que o ex-prefeito loteara sua administração para a pequena especulação imobiliária da península. 

O vereador Messias insinua que haveria "interesses inconfessáveis" por trás da iniciativa da CPI. É possível que existam. Mas o que importa mesmo, vereador,  é comprovar se houve ou não desvio de recursos públicos por parte do governo atual. Nós poderíamos dizer também que haveria interesses deste tipo entre os vereadores que se posicionam contrariamente à CPI.   O experiente ex-vereador Valmir da Rasa dá pista das quais poderiam ser esses interesses ao fazer a avaliação da CPI no Facebook, avaliação que transcrevo aqui por ser pública. A eles, pode ser acrescentado interesse por aluguéis de parentes e amigos? Não?  

Valmir Conceição Oliveira
"carlos meu amigo mais uma pizza enquanto não se desvincular do prefeito eu não acredito ,estão com cargos , outros com empresas , outros com firmas , um ou dois no máximo que estão de fora !!!"  ("valmir.conceicaooliveira")

Uma CPI é criada para investigar determinada questão por determinado período quando existem fortes indícios de irregularidades. Se elas existem, possivelmente recursos públicos teriam sido perdidos nos descaminhos por onde eles circularam. Se isso é verdade, vereador Messias, muitas pernas de buzianos foram e continuarão a ser quebradas nas imensas filas das unidades de saúde do município. E o senhor quer preservar as pernas do Prefeito! Se isso é verdade, vereador, muitas pernas de nossas crianças estão sendo quebradas pelo baixo nível de ensino que recebem. E o senhor quer preservar as pernas do Prefeito! Se isso é verdade, vereador, muitas pernas do nosso maior contingente de trabalhadores- do comércio e setor de serviços- serão quebradas por falta de um Hotel Escola para qualificá-los. E o senhor quer preservar as pernas do Prefeito! A troco de quê, vereador?

Observação: desculpem-me pela qualidade do vídeo. Ele foi gravado diretamente do site da Câmara de Vereadores, cuja qualidade de transmissão deixa muito a desejar. Já reclamei algumas vezes da qualidade do som e imagem, mas não fui ouvido.

Atenção: colaborem com o blog clicando nas propagandas, tanto as localizadas entre as postagens como na barra lateral direita. E sempre que entrar no blog não custa nada dar uma clicada. Grato.

Comentários no Facebook:



  • Luiz Carlos Andrade estão tratando a coisa publica sem a seriedade que merece, se tiver que ter CPI, que faça. a nossa omissão com a cidade nos custara caro. teremos a búzios de nossos atos no futuro, aguardem
      

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 10:41

Quinta-feira, 15.08.13

Vereador apresenta emendas à Lei do Estágio Probatório

Foto do Facebook
O vereador Lorram (foto) apresenta, na sessão de hoje, Projeto de Emenda Modificativa ao Projeto de Lei nº. 38/2013 que "Dispõe sobre avaliação de desempenho dos servidores nomeados para o exercício de cargo de provimento efetivo em estágio probatório nos órgãos e entidades da administração direta, autárquica e fundacional dos Poderes Executivo e Legislativo, e dá outras providências".

Segundo o vereador "as emendas apresentadas visam atender o interesse dos servidores públicos, embora possam afirmar que este projeto, gera conflitos, porque para melhor avaliação dos servidores, deveria está em vigor o Plano de Cargos e Carreiras dos Servidores Públicos de Armação dos Búzios, que deveria conter as atribuições dos mesmos"

As modificações propostas são:

      Art. 1º -  Esta Lei estabelece as normas de avaliação de desempenho dos servidores municipais nomeados para o exercício de cargo de provimento efetivo em estágio probatório, nos órgãos e entidades da Administração Direta, Autárquica e Fundacional dos Poderes Executivo e Legislativo do Município de Armação dos Búzios, de acordo com o disposto no art. 41, da Constituição Federal, com a redação dada pela Emenda Constitucional n° 19, de 4 de junho de 1998, c/c o art. 21, da Lei Complementar n° 15/2007 – Regime Jurídico e Estatuto dos Servidores Público do Município de Armação dos Búzios.

        Art. 2º ( …...)

                Parágrafo Único do artigo 2 º , com a  seguinte redação:

                § -  O período de estágio probatório será acompanhado por uma  Comissão Especial de Avaliação de Desempenho constituída para este fim, em conjunto com o órgão setorial de Recursos Humanos e as Chefias imediata e mediata, que deverão :
a- propiciar condições para adaptação do servidor ao ambiente de trabalho
b – orientar o servidor no desempenho de suas atribuições
c- verificar o grau de adaptação ao cargo e a necessidade  de submeter o servidor a programa de treinamento.

                 Art 3º (…....) 

                   §  1 º - passa  trazer a seguinte redação: 

            §  1 º- A Comissão será integrada por um servidor do setor de Recursos Humanos e dois servidores pertencentes ao órgão ou entidade de lotação dos avaliados, sendo que estes deverão ser servidores públicos efetivos.
  
                  §3º -  passa trazer a seguinte redação:

                 §3º- Nenhum membro da Comissão de Estágio Probatório ou Avaliador poderá ser cônjuge ou ter parentesco consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral, até o 3º (terceiro) grau com o avaliado e com servidor provido de cargo em Comissão do Poder Executivo e do Legislativo.
            

                Art. 8º passa  trazer a seguinte redação:

                Art. 8º - O servidor que não obtiver nota igual ou superior a 55 % (cinquenta e cinco por cento) dos pontos atribuídos em cada avaliação, fica sujeito ao acompanhamento pela chefia imediata, auxiliada pelo setor de RH, visando sua adequação funcional.         


                Artigo 11º  passa  trazer a seguinte redação: 

                Art. 11 - Será reprovado o servidor que ao final do estágio probatório, obtiver média inferior a 55% (cinquenta e cinco por cento) do total das avaliações.

                               §1º (…...)


                                §2 -  passa trazer a seguinte redação:

§2º - O servidor que não concordar com o resultado final de sua avaliação, deverá apresentar Recurso Administrativo, fundamentando os motivos de sua discordância, solicitando que o recurso seja anexado à sua Ficha de Avaliação, encaminhando-a à Comissão de Estágio que analisará os fundamentos da defesa, que emitirá nova decisão. Desta nova decisão somente caberá Recurso ao Chefe do Executivo, que terá  prazo de 10(dez) dias , para  o exercício do direito de defesa do interessado, e decidirá pelo voto da maioria absoluta dos membros.

Meu comentário:  

Para mim, vereador, os três membros da Comissão Especial de Avaliação deveriam ser concursados e, sem ocuparem cargos comissionados, para que não tenham nenhuma dependência de alguma benesse do prefeito, quando forem julgar os outros. A nota média deveria ser 50, o que é usual. Por que 55? Quanto ao parentesco de algum membro com o avaliado tudo bem. A existência de um Plano de Carreiras é pré-requisito fundamental para que se possa fazer avaliações objetivas e corretas, pois como saber o que o funcionário deve fazer se as atribuições do cargo não estão definidas?        

Comentários no Facebook:

  • Eduardo Moulin Esta pelo menos razoável mas ainda não terá como ter critérios de avaliação já que não existe plano de cargos e salários com isto não existe as obrigações da função.
    Não foi possível publicar o comentário. Tente novamente

  • Roberto Campolina É como ele disse, no lugar disso, o executivo deveria ter enviado o plano de carreira, isso sim faria um bem enorme aos servidores e por consequência a toda cidade.
                              


Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 07:56

Sexta-feira, 17.05.13

Casa do Povo?

Foto da sessão noturna do dia 14 Maio, a última

Na penúltima sessão legislativa os vereadores de Búzios aprovaram projeto de resolução alterando o horário das sessões das terças-feiras para as 10:00 horas da manhã. Com isso, só teremos sessões da Câmara de Vereadores de Búzios no horário diurno, já que as sessões das quintas-feiras são realizadas nesse horário. Em vez de alterar o horário das quintas das 10:00 para 18:00 horas para que todas as sessões fossem noturnas, os vereadores fizeram justamente o contrário. Como chamar de Casa do Povo uma Câmara de Vereadores que restringe a participação popular, estabelecendo o horário de sessões justamente no horário de trabalho do povo de Búzios? Não existe nenhum argumento razoável para que as sessões sejam diurnas. O livro de presença passado em todas as sessões provam que era maior o publico presente à noite. Medo do povo? Ou vontade de que nas sessões só tenham funcionários dos gabinetes? O que se pretende com a medida? Economia de energia? Como, se nesta legislatura o número de funcionários passou de 90 para 130?    

Contraditoriamente, o projeto de resolução foi apresentado pelo vereador Henrique Gomes, aquele   que bradava em seus discursos sobre a necessidade das autoridades municipais ouvirem "a voz rouca das ruas". Também assinou o projeto o novato Gugu de Nair. 

A proposta foi aprovada com apenas um voto contrário, do vereador Lorram. Parabéns vereador! Coerência é isso aí. Mais do que isso: sob o argumento da necessidade de ampliar a participação popular em Búzios, o vereador já havia apresentado, na legislatura passada, projeto de resolução em sentido contrário ao atual, para que todas as sessões fossem noturnas. Mesmo sabendo que seria derrotado, o vereador fez questão de apresentá-lo, marcando sua posição favorável à presença popular no Legislativo. 

Também não podemos responsabilizar o vereador Felipe Lopes pela alteração no horário das sessões porque, na qualidade de presidente substituto devido à ausência de vereador Leandro, não pode votar.  

Como curiosidade pesquisei os dias e horários das sessões das outras Câmaras de Vereadores da nossa Região dos Lagos:

1) Araruama - Terças e Quintas, às 18:20 horas.
2) Arraial do Cabo - Terças e Quintas, às 17:30 horas.
3) Cabo Frio e Iguaba Grande - Terças e Quintas, às 18:00 horas.
4) Rio das Ostras - Terças e Quartas, às 17:30 horas.
5) São Pedro da Aldeia - Terças e Quintas, às 10:00. 

Observação: as sessões da Câmara de Vereadores de São Pedro da Aldeia, há duas legislaturas atrás, eram realizadas em horário noturno. Só passaram a ser diurnas devido ao apagão de 2003. 

Comentários no Facebook:


  • Jose Figueiredo Sena Sena Luiz Carlos Gomes, porque não criar um projeto de " LEI" , criando o ponto " Facultativo " para todos os trabalhadores de Búzios , para poder assistir as seções na terça/feira e na quinta/feira as 10.00 hs da manhã , ai sim seria coisa de primeiro mundo. Agora ká pra nóis simples contribuintes podemos falar " ME ENGANA QUE EU GOSTO " , e a felicidade até existe,né.
  • Luiz Carlos Gomes absurdo, né Professor.



    Jose Figueiredo Sena Sena Luiz Carlos Gomes, até que é muito bonito , são palavras pra ser faladas , são palavras para ser sempre lembradas , principalmente na hora que nós humildes eleitores estamos de frente a uma "URNA " para colocar o nosso voto , e pensar assim, só pensar, porque depois do voto a realidade é totalmente outra né . Então vamos lá " O PODER EMANA DO POVO , E EM SEU NOME DEVE SER EXERCIDO " , coisa muito bonita né, agora quando este poder tenta se esconder ai né, vai ficar muito difícil de entender e de explicar para " ZÉ POVÃO ".

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 14:30

Terça-feira, 16.04.13

Ficha Limpa em Búzios

Temos dois projetos de Lei tramitando que pretendem disciplinar a nomeação para cargos em comissão (e de agentes políticos) no âmbito dos órgãos do Poder Executivo e Legislativo. E isso é muito bom. Um, na Câmara de Vereadores, da lavra do vereador Lorram Gomes da Silveira e outro, nas ruas e na internet, através de abaixo-assinado, elaborado pela ONG Ativa Búzios com base na Lei de Iniciativa Popular. São idênticos, com apenas duas exceções. O projeto de lei ordinária da ONG traz um paragrafo a mais, o IV, que inclui nas vedações da Lei:

"os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas, por irregularidade insanável que configures ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário, aplicando-se o disposto no ínciso II do artigo 71 da Constituição Federal, a todos os ordenadores de despesa, sem exclusão de mandatários que houverem agido nessa condição, desde a decisão até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos"

e no artigo 4º, do projeto da ONG, onde se pretende estabelecer que:

"o nomeado ou designado, obrigatoriamente antes da posse, deverá apresentar certidões de ações civis e criminais que comprovem a não inserção nas vedações do artigo 1º".   

o vereador, talvez querendo desburocratizar o processo, estabelece que o nomeado ou designado "terá ciência das restrições e declarará por escrito não se encontrar inserido nas vedações do artigo 1°". 

Apesar de serem quase idênticos na forma, são bem distintos no conteúdo material. Um, o projeto do vereador Lorram, é uma PEC - projeto de emenda constitucional. O outro, o projeto da ONG Ativa Búzios, é um projeto de lei ordinária. 

Como o artigo 79 de nossa Lei Orgânica Municipal estabelece que:
- Compete privativamente ao Prefeito: 
I - nomear e exonerar os Secretários Municipais, o Procurador-Geral do Município e os 
dirigentes dos órgãos da administração direta, indireta e fundacional

acredito que a Lei da Ficha Limpa municipal só pode ser criada alterando-se este artigo da nossa Lei maior. Portanto, tem razão o vereador quando propõe uma emenda constitucional para instituir a Ficha Limpa em nossa cidade.    

   

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 12:21

Quarta-feira, 09.01.13

O medo de Mirinho: as contas de 2004



Entrevista com o ex-sub-procurador de Armação dos Búzios, Sérgio Luiz, à Iva Maria, na rádio Estação 104 FM, no dia 7 de janeiro de 2013, onde ele revela que Mirinho articulou o nome do vereador Henrique Gomes para presidente da Câmara para não correr o risco de ter suas contas novamente reprovadas pela Casa. A 6ª Câmara Cível do TJ RJ determinou que as contas precisam passar por um novo julgamento do Legislativo Municipal. Dos sete vereadores que seu grupo político elegeu, o Vereador Henrique Gomes seria o mais confiável para tal empreitada.

Meu comentário:

Apesar do procurador Sérgio Luiz negar, para mim ele fala por Mirinho, que tem muita dificuldade de se manifestar após sofrer grandes derrotas políticas. Timidez? Má assimilação do revés? Não sei, mas na fala do amigo percebe-se que ficou um grande ressentimento com o vereador Lorram. Os vereadores Leandro e Felipe Lopes são, na prática, perdoados. Leandro, segundo Sérgio, porque avisara antecipadamente Henrique quando viu a chance de se eleger presidente, seduzido pelos outros dois trânsfugas do grupo político de Mirinho, Felipe e Lorram. Apesar de ter fechado questão em relação ao nome de Henrique logo no início das conversações, Leandro teria, segundo Sérgio, jogado limpo ao avisar Henrique que também disputaria o cargo. Sérgio ressalta a "dignidade" do vereador. Felipe, por seu vez, mereceria perdão porque teria tido um comportamento semelhante ao de um traidor arrependido, por nunca ter sido do grupo de Mirinho. Nas palavras de Sérgio: Felipe "já conhece o caminho de volta". Traiu mas voltou.

O grande ressentimento fica mesmo por conta do vereador Lorram. Até porque o grupo político de Mirinho não precisava de Felipe, muito menos de Leandro. Bastava Lorram para confirmar a vitória de Henrique, já que se dispunha de quatro votos: o do próprio Henrique, mais os de Messias, Joice e Gugu. 

Aquele garoto que Sérgio conhecera em 1998, que teve todos os seus caminhos pavimentados por Mirinho, não seria capaz de tamanha ingratidão! Apesar de ter tido ao longo do processo, segundo Sérgio, um comportamento ambíguo, oscilando de um lado para o outro, ninguém acreditava que Lorram fosse capaz de  uma "guinada tão violenta". O que teria acontecido? Esta é a grande questão deixada no ar por Sérgio Luiz-Mirinho?  

Deixa algumas pistas quando cita uma notinha do jornal Primeira Hora- "Guerra em Geribá- onde, segundo ele, fica claro que as intervenções no processo de eleição do presidente da Câmara não foram só políticas. Teria havido também intervenções externas, econômicas, de grupos econômicos, como a participação direta do empresário Fernando Pires, dono da Imobiliária Península, segundo a referida notinha acima.

Mas o mais importante da entrevista acabou sendo a revelação da razão que levou Mirinho a se empenhar tanto para a eleição de Henrique Gomes: as suas contas de 2004. Recentemente, a justiça determinou que elas passem por um novo julgamento na Câmara de Vereadores de Armação dos Búzios. Para não correr nenhum risco, Mirinho precisava: 

1) eleger um presidente da Casa Legislativa confiável, porque é ele quem dita o ritmo de tramitação da questão na Câmara. A experiência recente com um presidente de oposição como Joãozinho Carrilho lhe trouxe muito desgaste político.

2) ter maioria de 2/3 (6 vereadores) na Câmara para derrubar o parecer contrário do TCE-RJ à aprovação de suas contas. Ou ter maioria simples de 5 vereadores para impedir que as contas sejam colocadas em pauta. Ou, o caso 1, um presidente confiável que nunca coloque as contas em julgamento. 

Conclusão: Mirinho corre grande risco de ficar inelegível. E, pelas derrotas acumuladas, de também nunca mais se eleger para nada!  

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 18:32

Segunda-feira, 07.01.13

É pornografia pura! 2

Foto do blog  "dabuzina"


Já ouvimos falar da participação de empresários em outras eleições para presidente da Câmara de Vereadores de Búzios. Quando aconteceram, foram sempre discretas. Havia um ou outro vereador que teve sua campanha financiada por alguns empresários e que, eleito, defendia seus interesses  de modo pontual. Agora não. As entranhas do processo eleitoral deste ano estão expostas nos dois principais jornais da cidade e em todas as mídias sociais (Facebook, Twitter e Blogs). Entre as vísceras aparecem os nomes de dois  empresários que teriam “dividido” a Câmara entre si: Fernando Pires, da Península, com cinco votos, incluindo o presidente eleito, e Nelson Belotti, com os quatro votos restantes, incluindo o candidato derrotado. O que mais se estranha é que nenhum vereador vem a público negar essa participação. Pelo contrário. Aquele que é acusado de estar se reunindo com determinado empresário, acusa seu acusador de estar fazendo o mesmo com um outro. O que só confirma a participação dos dois. Se é verdade que eles estavam no comando das articulações do processo eleitoral do legislativo, uma  grande questão se impõe: os representantes do povo agora defendem os interesses destes empresários? Que interesses são esses? ^Mudança de gabarito pra três andares? Pombalização de Búzios geral e irrestrita?


Em todo processo esta questão não foi respondida. Talvez, para escamoteá-la, as discussões foram levadas para o nível pessoal, baixo, íntimo, quase pornográfico. Se falou até em "umbigo enterrado em quintal", "queridinho do papai", etc. Questões fundamentais do Legislativo buziano não são discutidas, tais como a necessidade de construção da sede própria da Câmara, a implementação da Câmara Itinerante que já é lei, a reformulação da estrutura administrativa da Casa, a limpeza do lixo legislativo com leis não aplicáveis, a reformulação do regimento interno, nominação e numeração das ruas do município para que se receba correspondência em casa, etc. Enfim, discutir o que a Câmara de Vereadores de Búzios poderia fazer em termos de legislação para melhorar a qualidade de vida do povo buziano. Não. Ficou-se apenas no reles nível pessoal a escamotear o principal: o comprometimento de quase todos os vereadores com o atendimento das demandas de determinados empresários.

Vejamos os personagens desta triste história.

1) O vereador Felipe considerou “ingratidão” a escolha de Mirinho por Henrique, depois da “proteção” que ele, Lorram e Leandro prestaram “ao governo e ao prefeito nos últimos 4 anos”. Proteção, vereador? O termo "proteção" é muito usado para organizações  criminosas! Com certeza, não é muito adequado para se referir à relação entre legislativo-executivo!

Depois, o próprio vereador Felipe descreve os ganhos da “proteção”:

Mirinho só foi candidato porque o preservamos da cassação de suas contas, que a oposição tanto queria votar; você não se lembra?! Nos ausentamos de dezenas de sessões, sendo expostos em jornais regionais e até em mídia nacional para garantir que o Prefeito concorresse as eleições. Mirinho jamais deveria ter escolhido Henrique! Henrique não segurou o que nós seguramos, e que hoje não é olhado com importância porque já não precisam mais do nosso sacrifício". (Felipe Lopes, blog dabuzina).

Você se sacrificou para que Mirinho fosse candidato, a troco de quê? Cargos públicos, contratos, privilégios no uso da máquina pública, panetones, bifinhos? Não me venha dizer que foi pelos lindos olhos de Mirinho, até porque ele não os tem. Muito menos por afinidade ideológica, porque ele e você, não têm ideologia nenhuma, a não ser projetos pessoais de poder. O que o povo buziano que te elegeu ganhou com o fato de Mirinho ter sido candidato?

Em defesa do companheiro de empreitada, Lorram, Felipe não admite que o ex-procurador Sérgio Luiz o chame de “traidor”. Fala em cusparada na cara. Nada mais pornográfico!

"Falar que Lorram é traidor como fez o ex- procurador Sérgio Luiz é cuspir na cara de Lorram depois de tudo o que ele fez pela governabilidade!" (idem).

A justificativa para votar em Leandro são risíveis:

Leandro é um vereador jovem, que começou junto comigo, cabeça nova, com o maior número de votos do município; que esteve junto 4 anos defendendo o governo e o prefeito, votando com o governo sempre, e passando pela fase mais difícil que tivemos quando o governo perdeu a maioria, nós perdemos a presidência por termos acompanhado Messias até o fim, e fomos massacrados pela oposição. Isso tinha que ter sido levado em consideração!” (idem)


2) O vereador Lorram, no calor das discussões, nos faz uma revelação importantíssima:

 "É IMPORTANTE LEMBRAR, que o Henrique Gomes, Messias, Gugu e Joice, já haviam fechado a questão da presidência com um quinto vereador, e eu e o Vereador Felipe Lopes, não fazíamos parte. Você sabia disso?" (Lorram, idem). 

Nesse caso, fazendo as eliminações, o quinto nome só pode estar entre o vereador Genilson e Zé Márcio. Para um deles, qualquer dos dois lados servia? Por que fizeram a opção final? Leilão?

3) Mirinho não se manifesta. Como sempre usa alguém pra falar por ele. Quem desempenha o papel agora é o ex-fantasma e  ex-procurador Sérgio Luiz. Alivia o lado do Felipe, mas desce a marreta no “traidor”  Lorram, que replica, falando em lavagem de boca com água sanitária. Pornografia pura!

"Tive boas conversas e discussões com Mirinho. DESTA VEZ, o entendimento foi diferente. Aí parece que virei o vilão. Até Sergio Luiz, pra você ver. Sérgio Luiz, esta me atacando. Sergio Luiz tem que lavar a boca com água sanitária pra falar de mim" (Lorram, idem).

Os comentários mais esclarecedores do quiproquó legislativo foram feitos no novo blog da praça (http://www.dabuzina.blogspot.com.br/), o blog do ex-sub-secretário de Comunicação e Cultura Alan Câmara (Seja bem vindo à blogosfera!). Todos feitos por anônimos. O que demonstra o medo ainda reinante no território político de Mirinho! Como não são moderados pelo novato blogueiro, os anônimos deitam e rolam em seus comentários. E tome mais pornografia política! Vejam alguns deles (todos extraídos do blog dabuzina): 

Anônimo 1:

"Bem merecida a tal "traição", Mirinho "deixou as corjas sangue sugas tomarem conta de seu governo,como um Carlinhos , Mario do Chez Michou e a péssima secretária Carolina (ganhava uma fortuna só pra fazer merda), ambos tratavam muito mal as pessoas e não tinha respeito por ninguém"... "Porque o ex-prefeito tinha que escolher logo o pilantra do Henrique ? que foi um secretário que superfaturava tudo que tinha direito,porque não escolheu um dos vereadores eleitos pelo seu partido,o PDT ?" ..."Mas é isso, bem feito ao ex-prefeito ,que agora ele aprenda a dar pelo menos um Bom Dia ,ou simplesmente um OI para as pessoas".

Anônimo 2: 

"A dúvida é a seguinte: Qual é o principal motivo pelo qual o ex-prefeito Mirinho Braga tanto se empenhou para eleger o vereador Henrique Gomes à presidência da Câmara de Búzios?".

Anônimo 3: 

"Ele, à luz da razão ideológica, só não poderia votar no Genilson ou no Zé Márcio! Antes de qualquer conjectura, seria fundamental o ex-prefeito vir a público (canais de comunicação não lhe faltam para isso) e justificar lobby tão feroz pelo nome de Henrique Gomes". "Assim, que venham tais motivos à luz do conhecimento popular!".

Anônimo 4: 

"Huummm, depois da notinha no JPH onde o Pires da imobiliária Península confessa sua interferência da eleição da Câmara, será que não são os que votaram em Leandro que devem se explicar ? Sei não, mas aquela notinha deixou a impressão de que quem vai mandar na Câmara é o Fernando Pires. Vamos acompanhar...".

Obsevação: Tito Rosemberg tem razão. A política em Búzios é pornográfica. Até quando?


Comentários:

  1. Quando o arrego é magro acaba o amor!! essa é a ideologia deles Professor...parabéns pelo o blog Amigo.

    Meu comentário:

    Muito obrigado, amigo. Parabéns pelo aniversário. 
    Grande abraço, Luiz

Comentários no Facebook:


  • Jose Figueiredo Sena Sena Ou Luiz, ser honesto não custa nada, mais não custa nada mesmo é de graça, e posso lhe garantir que você sendo honesto tu vai dormir muito melhor,vai alimentar melhor, vai viver melhor com sua família , porque deve ser muito difícil todo dia inventar uma mentira para cobrir a mentira anterior, muitos geralmente esta com a ideia que estando com a " BÍBLIA " na mão na Igreja esta tudo certo tá perdoado assim se pode continuar nas mutretas diárias.né. Esta escrito na "Bíblia " que " AMÁSSEMOS UNS AOS OUTROS " agora para o salafrário , sem vergonha , o safado , o sem moral , o grande mutreteiro, eles tiram o acento da frase que é Bíblica e passa a ler e aplicar " AMASSEMOS UNS AOS OUTROS ". Luiz não dá mais é muita mutreta,tá.


    Jose Figueiredo Sena Sena Ou Luiz, esta legislatura vai ser "dremais", já pensou Messias , com Lorram e com Felipe , debatendo em plenário vai ser " dremais ", tô o não tô certo hem Luiz ?

    Meu comentário:

    Claro, Mestre Sena. Estarei na primeira fila....
    Grande abraço, 
    Luiz 

  • Jose Figueiredo Sena Sena As aulas vai começar no Colégio João de Oliveira Botas ou melhor" CEJOB " no 02 de Março de 2013 , ou Luiz este curso " Projetos de Plataforma" de" Caldeiraria e Soldagem" é somente pra quem esta afim de mudar de vida e sair deste marasmo, já de primeira mão esta dispensado o estudante "curioso" e já manjado "Turista ". que tenha ensino médio completo ou no terceiro ano.

    Meu comentário:

    Estarei lá prestigiando aquele que é o único curso profissionalizante existente na rica Armação dos Búzios. Deus lhe pague!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 12:21

Terça-feira, 21.08.12

Fiscais do TRE-RJ fazem operação em comitê de vereador em Búzios



"Por determinação da juíza da 172ª ZE de Armação dos Búzios, Alessandra de Souza Araújo, fiscais do TRE-RJ apreenderam material de propaganda irregular no comitê do vereador e candidato à reeleição Lorram Gomes da Silveira (PDT), situado na Avenida José Bento Ribeiro Dantas, principal via do município. No local, foram encontrados fotocópias de títulos eleitorais e um caderno com mais de 50 páginas com anotações de nomes de pessoas, telefones e aparente oferecimento de serviços.

A operação ocorreu na noite de sábado, dia 18. A equipe de fiscalização apreendeu ainda cartões de apresentação com o logotipo da Câmara de Vereadores, fogos de artifício, adesivos e 24 garrafas vazias de cerveja. O material foi encaminhado à 127ª DP, para o registro da ocorrência e apuração de possível prática do crime de compra de votos, entre outros".


Fonte:

http://www.tre-rj.jus.br/site_novo/noticias/jsp/noticia.jsp?id=83089&sessao=0.05225108289997216


Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 20:47

Segunda-feira, 20.08.12

Comitê do vereador Lorram é arrombado? 2

Não teve arrombamento nenhum. O que ocorreu foi uma simples diligência da Justiça Eleitoral a partir da denúncia de que haveria no comitê do vereador Lorram, candidato à reeleição, engradados de cerveja e fogos. A informação me foi prestada pelo repórter do Perú Molhado, Sandro Peixoto, que estava presente no local durante a operação feita pela justiça eleitoral no comitê do candidato às 16:00 horas de domingo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 14:30


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2020

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031