Política, Sociedade, Educação, Búzios, meio ambiente, Região dos Lagos

Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://ipbuzios.blogs.sapo.pt

Espaço de discussão dos acontecimentos políticos de Armação dos Búzios



Domingo, 04.11.12

A Azeda e a Azedinha são nossas!

Foto histórica da campanha da Ativa Búzios


Deu na coluna observatório (JPH, 26/10/2012):


"SEM GPS

A propósito Salazar entrou na sociedade acreditando que poderia influenciar governo e opinião pública a favor de sua ideia de construir um condomínio de casas da praia Azeda, adquirida na década passada. Não logrou êxito naquela empreitada, como também na subsequente, quando tentou vender a área para o grupo Orient Expresss, empresa de capital inglês, proprietária do Capacabana Palace, interessada em construir um hotel onde antes Salazar imaginara um condomínio de casas.

ORIENT EXPRESS

 Em recente encontro com o colunista, ocorrido num almoço numa mansão da Ferradura, a CEO do grupo Orient Express no Brasil, a elegante e competente Andrea Natal, revelou ao PH que o grupo não desistiu de ter um hotel na Cidade e estaria analisando a possibilidade de alteração nos limites definidos pelo decreto que incluiu a Azeda dentro do Parque Estadual da Costa do Sol. Andrea contou que, a exemplo do que aconteceu em Foz do Iguaçu, onde a empresa mantém um hotel dentro de área legalmente protegida, Búzios seria um modelo de negócio com características da arquitetura e cultura  local e que cerca de 95% da mão de obra seria formada no próprio balneário, com pessoas da Cidade.  Nos planos para a Azeda apenas 5% da área seriam utilizados entre complexo hoteleiro e acessos.

 COMPROMISSO COM O ACERTO, OU COM O ERRO?

 Fontes da Coluna informaram que desde que o novo governo e a população de Búzios se manifestem favoravelmente a implantação de um hotel na Azeda, o governo estadual não teria dificuldades de rever os limites estipulados para o parque da Costa do Sol. A cidade já esnobou uma vez a vinda de um empreendimento com a marca do Orient Express. Será que, irá esnobar uma segunda vez?"

A partir de uma postagem minha, a blogueira Camila Raup postou em seu facebook uma foto sobre a questão da Azeda que gerou os comentários abaixo: 

1) "Em 1997 transformei a Azeda e Azedinha em APA e recentemente trabalhei para que ficasse dentro do Parque Estadual Costa do Sol. Tenho certeza que meu amigo Carlos Minc estará nessa briga pela preservação desse patrimônio ambiental" (Mirinho Braga).

Meu comentário:

O problema, prefeito, é que não basta "decretar" e largar de lado. Isso é puro marketing. É preciso que se delimite a área, que ela seja cercada e muito bem sinalizada com placas indicando tratar-se de uma área de preservação ambiental. Além disso, era preciso fazer concurso público para contratar guardar ambientais para tomar conta da área. Quem ama, cuida! E, finalmente- como não se ia expropriar a propriedade- indenizar os donos. Nada disso foi feito. Incompetente para arrumar recursos para comprar a área, o prefeito Mirinho tratou logo de jogar o "pepino" para o Parque Estadual Costa do Sol do Governo do Estado.

2)"Quero examinar antes um estudo sobre as qualidades ambientais da área, já que cercada por uma ocupação consolidada. Deve-se examinar tb essa questão a partir da mobilidade urbana. Portanto, devemos nos afastar das emoções fugidias da ocasião, e encararmos esses estudos antes. Já me manifestei antes. afirmando que o 'ambientalismo' não deve servir para a apropriação dos recursos naturais por grupos, que no 'backstage' manipulam as opiniões, refletidas pela voz do rebanho" (Ruy Borba


Meu comentário:

Esse discurso do ex-secretário Ruy Borba é o discurso da especulação imobiliária. "Vamos ocupar pra preservar", é o seu lema. Contudo, o importante a sublinhar é a comunhão de ideias, não de bens,  entre o ex-secretário e ex-dono do jornal Primeira Hora, com o atual editor responsável pela coluna Observatório. Ou seja, o ex-jornal do ex-secretário está em campanha declarada pela ocupação da Azeda - Azedinha. Isso não preocupa, porque ambos estão muito desacreditados na cidade. O que preocupa é a aproximação de gente importante do novo governo do Dr. André com gente desse tipo. Ainda bem que o vice-prefeito é um ambientalista! 

Observação: é por isso que o povo não acredita que o jornal foi vendido! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 09:24


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930