Política, Sociedade, Educação, Búzios, meio ambiente, Região dos Lagos

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://ipbuzios.blogs.sapo.pt

Espaço de discussão dos acontecimentos políticos de Armação dos Búzios


Quinta-feira, 31.07.14

Por que os municípios da Região dos Lagos são governados por políticos do atraso?

Charge do site jurassico

A resposta para a pergunta pode ser encontrada na estatística do eleitorado dos municípios da Região dos Lagos apresentada recentemente pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Claro que o baixo nível de escolaridade não é o único motivo. A ele deve-se também juntar, entre outros, o baixo nível de renda que se consegue obter com esse grau de instrução. O círculo é vicioso: Prefeitos do atraso precisam manter o atraso para se (re)elegerem. Mas, apesar de lento, o avanço, em termos de instrução e rendimentos, inevitavelmente alcança os eleitores. Mais instruídos e com melhores salários podem escolher de modo mais independente seus Prefeitos e Vereadores. Não se pode provar, mas parece óbvio que alguma influência deve ter tido na derrota de Mirinho em 2102, o fato de ter passado de 22,98% em 2008 para 38,68% em 2012 o número de eleitores com o ensino médio completo ou mais (o superior incompleto e superior completo).

Búzios, por sinal, é o município que apresenta o maior número de eleitores com o curso superior completo. Em 2008, eram  6,41% (1.289 eleitores) do eleitorado. Em 2014, 9,53% (2.210 eleitores). Em seguida, temos Rio das Ostras com 8,70% do seu contingente eleitoral com curso superior completo. Em terceiro lugar- a grande surpresa- Iguaba Grande, com 6,65%. Em quarto, Cabo Frio, com 5,78%, seguido de Arraial do Cabo (5º) com 5,19%, e Araruama (6º) com 4,92%. Em último, temos São Pedro da Aldeia (7º) com 4,48%.

Nas eleições deste ano, teremos 45,08% do eleitorado de Búzios constituído de pessoas com até o ensino fundamental completo, o que significa dizer que mais da metade dos eleitores do município, 54,92%, têm mais do que o ensino fundamental completo. Em 2008, eram apenas 37,78%. 

Rio das Ostras também deu um grande salto no número de eleitores com grau de instrução superior ao ensino fundamental completo. Eram 48,40% em 2008. Hoje, são 56,92%. 

Em todos os outros municípios da Região mais de 50% do eleitorado, nestas eleições, têm até o ensino fundamental completo. O mais atrasado deles é Araruama com 59,19%.

Há de chegar o dia em que os políticos do atraso como Dr. André em Búzios, Alair Corrêa em Cabo Frio, Andinho em Arraial do Cabo, Miguel Jeovani em Araruama, Grasiela em Iguaba Grande, Sabino em Rio das Ostras e Chumbinho em São Pedro da Aldeia, serão varridos do mapa político da Região dos Lagos.  E com eles os vereadores que lhes dão sustentação política. Apesar deles- e contra a vontade deles- o nível educacional e de renda dos eleitores da Região dos Lagos inevitavelmente crescerão. E com este crescimento, crescerá também a independência e o nível de consciência política dos cidadãos-contribuintes-eleitores dos municípios da Região. Quem viver, verá.  

Comentários no Facebook:


Roberto Campolina Só pra lembrar que na última eleição pra presidente, Marina Silva ganhou em búzios, e a população negou a reeleição do antigo prefeito, pelo menos tentamos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 18:39

Quinta-feira, 12.07.12

O eleitorado e seus candidatos

Foto de Ailton Barros



Segundo o TSE temos 21.967 eleitores em Búzios (dados de junho de 2012). Somos um eleitorado majoritariamente feminino. São 11.355 (51,69%) mulheres e 10.611 (48,3%) homens.

Escolaridade dos eleitores:

Analfabeto - 305 (1,39 %)
Lê e escreve - 810 (3,69 %)
Ensino fundamental incompleto - 7.281 (33,15 %)
Ensino fundamental completo - 1.741 (7,93 %)
Ensino médio incompleto - 3.331 (15,16 %)

Ensino médio completo - 5.091 (23,18 %)
Superior incompleto - 1.346 (6,13 %)
Superior completo - 2.062 (9,39 %)

Observação 1: 13.468 eleitores (59,32 %) não têm o ensino médio completo.

Escolaridade dos candidatos a vereador

Analfabeto - 0 
Lê e escreve - 1 (0,6%)
Ensino fundamental incompleto - 25 - (16,2 %)
Ensino fundamental completo - 16 - (10,3%)


Ensino médio incompleto - 9 (5,8%)
Ensino médio completo -  68 (44,2%)
Superior incompleto - 14 - (9,0%)
Superior completo - 21 - (13,7%)

Observação 2: o nível dos candidatos está um pouco melhor do que o do eleitorado. 51 (33,1 %) candidatos não têm o ensino médio completo.

Observação 3: acrescentando-se aos dados da escolaridade dos eleitores os que se referem às condições de renda da população buziana que nos diz que 47 % dela têm renda per capta inferior a 1 salário mínimo, está explicado porque Mirinho se elegeu por três vezes. Mas podemos ter um pouquinho de otimismo e acreditar que desta vez ele possa não se eleger porque as coisas eram bem piores em 2008. Ou seja, o político do atraso que nos desgoverna vai ser derrotado pelo inevitável progresso econômico, cultural e educacional do povo buziano. Claro que ele vai fazer tudo para retardá-lo.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 21:34

Sexta-feira, 08.06.12

Notas curtas 2

- Enquanto o PSC de Búzios entra em uma guerra suicida, entre partidários de Genilson e Dr. André, pra ver quem vai substituir Chiquinho da Educação como candidato do partido nas próximas eleições, Evandro vai consolidando o seu nome como alternativa ao governo Mirinho dos Pombais. Como venho afirmando, as eleições em Búzios, exceto a primeira, foram plebiscitárias. Isso quer dizer que apenas dois candidatos disputam de   verdade as eleições. Os outros são apenas figurantes. Tudo indica que Evandro substituiu Chiquinho na polarização com Mirinho. Acredito que, faltando pouco mais de três meses para o pleito, não dê mais tempo pra nenhum outro candidato de oposição (Genilson , João Carrilho ou Dr. André) alcançar Evandro.   

-As ultimas informações que recebi a respeito de pesquisas, inclusive feitas por gente do governo, dão conta de que Evandro teria, pela primeira vez, passado o prefeito nas intenções de voto. Em outra, Mirinho ainda estaria na frente, mas com a menor diferença entre eles, algo em torno de 2 pontos percentuais- na verdade, empate técnico. O índice de rejeição a Mirinho talvez seja maior do que o de Toninho em 2008. Não há como ganhar uma eleição com tamanha rejeição!

- Como temos um eleitorado com baixa escolaridade (mais de 50% não completaram o 1º grau) e com necessidades básicas não atendidas (mais de 50% dos trabalhadores buzianos ganham menos de 3 salários mínimos), vota-se naquele que tem chances reais de ganhar. O eleitorado buziano não "desperdiça" o voto. O voto tem que ser útil. Ele terá utilidade se o escolhido ganhar, pois só assim ele poderá atender à suas necessidades. Necessidades elementares como um empreguinho na prefeitura, em terceirizadas ou um crachá de ambulante; vaga em escola perto ou em creche; facilidades no atendimento na saúde, como furar fila de exame; cestas básicas na emergência; e por aí vai...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ipbuzios às 22:44


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2020

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031